Habilidades desenvolvidas - Bichos de Pelúcia

BICHOS DE PELÚCIA

 

 Quase todo quarto de criança tem um, nem que seja bem pequeno,  servindo apenas de enfeite, mas quase  sempre tem... Isso, porque os  bichos de pelúcia há muito  tempo fazem parte do universo infantil.  Antes de nascer, ela já costuma ter um bichinho  lindo e fofinho  aguardando sua chegada, como um presente de boas vindas.

  Quando começa a ter conhecimento do mundo a sua volta, logo  percebe aquele    "amiguinho” ali do lado, pedindo para ser abraçado e  mordido...

  Os bichos de pelúcia geralmente ajudam a acalmar, a desenvolver a  ternura, o afeto e  despertam boas emoções. Servem também como objeto de transição para a redução da  dependência afetiva que, em excesso, pode prejudicar o desenvolvimento e a autoestima  da criança. A fofura e o tecido macio de que esses brinquedos são feitos, transmitem  calor e uma sensação de colo de mãe, trazendo mais segurança quando ela não está  perto. É comum ver crianças que levam seu bichinho de pelúcia favorito para a escolinha  no primeiro dia de aula, pois ele serve de referência ao aconchego familiar. Da mesma  forma, pode servir de apoio no processo de interrupção da amamentação.

 Algumas pessoas, especialmente as mulheres, continuam gostando de pelúcia mesmo  depois da infância. Receber um ursinho de pelúcia com flores ou chocolates ainda representa, até hoje, uma demonstração de carinho entre vários casais.